Ponto de Pivot - Trader Gráfico - Robôs, Cotações, Notícias e Análises Bovespa
  • Clique aqui para voltar e escolher outra Newsletter.


    Análise Técnica e SuperSinais
    Ano 2 - Número 23 - Segunda-feira, 19/05/2008


    Esta Newsletter é enviada Semanalmente a todas as pessoas devidamente cadastradas no site www.tradergrafico.com.br/newsletter e tem por objetivo apenas informar ao seu público alvo detalhes sobre indicadores, funções e análises necessários para uma avaliação de ativos e empresas associados a renda variável. Esta Newsletter não produz e não produzirá análises ténicas sobre nenhum ativo ou empresa.


    Ponto de Pivot

    Vamos abordar nesta Newsletter uma forma simples, rápida e eficaz de calcular patamares de Resistência e Suporte para os preços, o Ponto de Pivot, composto por 7 linhas.

    O cálculo do Ponto de Pivot forma um conjunto de Suportes e Resistências projetados a partir dos dados de um período anterior. Normalmente ele é calculado sobre os dados de um período mais longo e plotado dentro de um gráfico mais curto, sempre com um prazo de validade.

    Por exemplo:

    • Para encontrar o Ponto de Pivot no gráfico diário utilizamos os dados da última semana fechada. Os dados encontrados têm validade apenas para a próxima 1 semana.
    • Para encontrar o Ponto de Pivot em qualquer gráfico Intraday, utilizamos os dados do dia anterior fechado. Os dados encontrados têm validade apenas para o dia atual que está sendo analisado.
    Para todos aqueles que já possuem o software Trader Gráfico instalado, o Ponto de Pivot é calculado automaticamente de acordo com o período gráfico que está sendo visto com apenas 1 clique no mouse, utilizando as seguintes fórmulas:

    Pivot= (Máxima + Mínima + Fechamento) / 3     (sempre do período anterior)

    Resistência1 = (2 * Pivot) – Mínima

    Suporte1 = (2 * Pivot) – Máxima

    Resistência2 = Pivot + (Resistência1 - Suporte1)

    Suporte2 = Pivot - (Resistência1 - Suporte1)

    Resistência3 = (2 * Pivot) + (Máxima - 2 * Mínima)

    Suporte3 = (2 * Pivot) - (2 * Máxima - Mínima)

    Ponto de Pivot


    A imagem acima, extraída do software Trader Gráfico, mostra as horizontais formadas pelo Ponto de Pivot e suas coligadas. Note que elas foram traçadas para o dia 16/05 e têm validade apenas para este dia, o que é facilmente observado quando olhamos o dia anterior e vemos outros patamares do Ponto de Pivot.

    Neste caso, todas as retas foram calculadas com base na barra de negociação do dia anterior, ou seja, 15/05, cujos preços negociados foram: Max: 47,12 - Min: 46,08 - Fech: 47,11. Jogue você mesmo estes dados nas fórmulas acima a verifique que os valores encontrados devem ser os mesmos mostrados na imagem.

    Na parte de cima à esquerda estão escritos os valores de cada patamar, sendo que o Ponto de Pivot é a reta preta, as resistências são as retas azuis e os suportes são as retas de cor magenta.

    Observando a movimentação dos preços no gráfico Intraday de 15 minutos acima, podemos notar que os preços respeitam os limites encontrados pelas fórmulas do Ponto de Pivot, o que torna este pequeno estudo bastante eficaz, além de ser bastante simples de ser compreendido. Lembrando que as retas são traçadas com os dados do período anterior fechado, ou seja, elas existem desde o começo do dia e têm validade até o final do dia, neste exemplo.

    Um abraço a todos e até a próxima semana.

     
    Você pode inserir o Ponto de Pivot e suas resistências e suportes característicos no Trader Gráfico utilizando o menu:

    Estudos > Calcular Ponto de Pivot


    Carlos Martins: Profissional de Investimento Certificado APIMEC - CNPI, autor do livro "Os Supersinais da Análise Técnica" (Ed. Campus-Elsevier, 2010) e sócio-fundador do Trader Gráfico.

    Facebook Twitter